Atentado no Texas:

13/11/2017 Fatos da Vida

Atentado no Texas:

Poucos dias depois do tiroteio que provocou a morte de aproximadamente 26 pessoas dentro de uma igrejabatista no Texas, Estados Unidos, um líder cristão explicou por que as pessoas que odeiam o cristianismo não poderão erradicá-lo com atentados.

Em um artigo intitulado “Por que os tiroteios nas igrejas não intimidam a igreja”, publicado no jornal ‘The Washington Post’, Russell Moore assinalou que “o dia do tiroteio foi, para muitas igrejas, um dia de comemoração da igreja perseguida”.

Moore é Presidente da Comissão de Ética e Liberdade Religiosa da Convenção Batista do Sul.

Na manhã do dia 5 de novembro, um sujeito identificado como Devin Patrick Kelley entrou na Primeira Igreja Batista em Sutherland Springs, no Texas, e atirou nas pessoas que participavam do culto de domingo. Cerca de 26 pessoas morreram.

De acordo com as histórias dos sobreviventes, Kelley disparou de perto nas crianças que choravam assustadas.

Depois que um vizinho armado chegou ao local, Kelley fugiu ferido em um caminhão. Depois de dirigir alguns quilômetros, suicidou-se.

Embora desconheçam o motivo do atacante, em seu artigo no ‘The Washington Post’, Moore assinalou que “qualquer que tenha sido o objetivo do atirador, sabemos que isso não funcionará”.

“Para erradicar as igrejas, nossos adversários precisarão de uma estratégia melhor. Eles deveriam levar em consideração que o cristianismo pode ser mais facilmente sufocado com a comodidade – ao ponto que nos esqueçamos de quem somos –, do que pode ser aterrorizado com violência”.

Moore indicou que “aqueles que tentam enfrentar a igreja com a ameaça de morte, somente recordam à igreja que estávamos mortos e agora estamos vivos em Cristo”.

Os dias depois do atentado, assinalou o líder cristão norte-americano, “serão terríveis para a comunidade que sofre em Sutherland Springs".

“Mas tenho certeza de uma coisa: venham neste domingo, eles estarão reunidos novamente, cantando, orando e abrindo a Palavra”.

“A igreja dará testemunho da verdade que os formou: a vida Eterna não pode ser superada pela morte. E sobre essa igreja estará uma cruz”, assegurou.

fonte: www.acidigital.com

Sobre nós

A Comunidade Esdras - Associação Bom Pastor é uma associação privada de leigos católicos, criada na cidade de Montes Claros-MG, que tem por objetivo a promoção da pessoa humana e o seu desenvolvimento integral. Desenvolve suas atividades através de programas radiofônicos diários, palestras, atendimentos pessoais, cursos em toda a região do Norte de Minas Gerais.

Entre em contato

Rua Grão Mogol, 313, Centro. Montes Claros - MG, 39400-056

(38) 3201-8144

Redes sociais

Desenvolvido por W42 - Tecnologia